O que faz um arquiteto?

Apesar da profissão de arquiteto ser muito antiga e conhecida pela maioria, muita gente questiona o que realmente um arquiteto e urbanista faz, em quais áreas atua, quando o profissional deve ser contratado e se realmente vale a pena. Primeiramente, arquitetura é uma área bastante abrangente: temos arquitetura de interiores, de software, paisagismo, urbanismo e etc. Vamos focar na atuação do arquiteto no âmbito da construção civil.

A formação do arquiteto é focada em projeto arquitetônico, sendo ele o profissional responsável por elaborar o projeto de uma nova residência ou comércio, assim como reformas e ampliações. Para tal, o profissional precisa levantar informações sobre o que é possível ser feito no local de implantação da edificação, as necessidades dos futuros usuários, as leis que atuam sobre a área e sobre a atividade que será exercida ali, as características de relevo, clima e insolação do terreno, bem como aspectos burocráticos (aprovação de plantas na prefeitura e outras exigências legais). Com todo este material em mãos, o profissional pode traçar os melhores caminhos para tornar o processo de construção mais ágil e simples, culminando em uma edificação mais funcional, confortável, eficiente energeticamente, utilizando melhor o espaço construído e de forma mais econômica. Além disso, busca-se a harmonia estética e social.

Desta forma, o arquiteto e urbanista teve toda sua formação acadêmica para otimizar o processo citado anteriormente (coleta de informações, processamento destas na elaboração do projeto e por fim a execução), tornando-se um profissional chave para gerenciar informações, recursos e pessoas no âmbito da construção civil.

Vale a pena contratar um arquiteto?

Com certeza! Pense em uma construção, reforma ou ampliação como um investimento, tanto de capital, quanto de tempo, sem contar as apostas emocionais que cada um faz quando decide construir sua residência ou comércio. Sendo assim, estes recursos investidos necessitam de uma gestão, alguém que coordene os materiais, pessoas e documentos que envolvem esta tarefa. O arquiteto possui todo o conhecimento necessário para tal, sendo treinado para fazer tudo isso com idéias criativas e buscando sempre uma estética positiva. Imagine que você possui uma quantidade considerável de capital investido na bolsa. Obviamente você contrataria um corretor para dar dicas de como gerenciar melhor este investimento e pagaria uma porcentagem para ele. Com uma construção ocorre a mesma coisa, o arquiteto recebe uma porcentagem sobre o valor investido (entre 5% e 10% do valor da obra), porém ao contrário da bolsa de valores, o resultado final (a edificação em si) terá sucesso garantido!


Post selecionado
Arquivo
Nenhum tag.
Tags

© 2015 by Alcântara&Duarte Arquitetura

Parceiros